Saiba como proceder em caso de quedas de objetos no elevador

O transporte vertical de pessoas é algo rotineiro. Os elevadores estão instalados em todos os lugares, e fazem parte das nossas vidas. Por ter este contato direto, todos estão sujeitos a ter algum contratempo, como quedas de objetos no espaço que existe entre a cabina e o pavimento do andar onde está o elevador.

E agora, o que fazer para resgatar o objeto caído?

Descubra nesse artigo as dicas da Otis para conseguir recuperar com segurança o que foi deixado cair no elevador:

Quais objetos podem ser perdidos?

Entre a cabina do elevador e o pavimento onde está o equipamento há uma pequena abertura, fina e longa, correspondente à largura da cabina

Ainda que o espaço seja pequeno, pode acontecer quedas de objetos entre essa cavidade e irem parar no poço do elevador

Esses objetos incluem cartões, chaves, moedas, joias, papéis, e até mesmo celulares, além de outras coisas que sejam igualmente pequenas ou finas.

Como proceder para resgatar estes objetos que foram deixados cair?

Ninguém está isento de passar por uma situação assim, e saber o que fazer é essencial, além de se manter a calma para que haja o resgate do objeto de forma segura.

Para recuperar que o que foi deixado cair deve-se, em primeiro lugar, avisar aos responsáveis pela administração do edifício

A recuperação do objeto deve ser feita pela empresa de manutenção responsável pelos equipamentos. É importante ressaltar que pessoas que não possuam treinamento para acessar o poço do elevador não devem arriscar-se tentando fazê-lo, isso pode representar um risco à segurança para quem não é habilitado à função.

A recomendação da Otis é buscar a assistência do síndico e da empresa de manutenção. Esta é a maneira mais segura de recuperar o que foi deixado cair.

A Otis preza pela segurança e bem-estar de todos ao utilizar o elevador, por isso, é taxativa em recomendar que nunca pessoas não habilitadas busquem acessar o poço do elevador

Leia também: 3 dicas para escolher a empresa de manutenção dos elevadores

Além dessa recomendação, é importante supor que alguns indivíduos por instinto podem tentar introduzir ferramentas finas o suficiente que possam entrar pela abertura onde o objeto foi derrubado, para tentar um resgate ao pertence. Isso, porém, é um grave erro.

A pessoa corre o risco de ter mais um objeto perdido, e também há a probabilidade de o elevador ter seu funcionamento afetado devido a algo que tenha ficado preso entre a cabina e as paredes da caixa de corrida. Isso significa que manutenções extras e corretivas podem ser necessárias antes do tempo e por um problema completamente evitável.

Continue acompanhando nossos conteúdos aqui no blog para saber tudo sobre transportes verticais. Acesse o site para conhecer todos nossos produtos e serviços. Conte com a Otis!

Blog Otis Elevadores - Lideramos a indústria de transportes verticais

[]